IIIJPMJ

jun 16
Ecos da Jornada II – Austin Christopher

Ecos da Jornada II – Austin Christopher

Postado por PJM em Experiência Formativa, Partilha

Salve, salve galera!!

Continuando aí a nossa semana da saudade, vamos partilhar mais um depoimento da jornada.

Hoje nós temos o depoimento do Austin Christopher, aluno do Colégio Marista Glória, de São Paulo/PR.

“Eu acho muito importante estar em espaços como a III Jornada Provincial discutindo assuntos como o protagonismo e transformação social. Nós jovens somos responsáveis pelo futuro. Pode ser que amanhã um de nós esteja sentado na cadeira de Presidente do país ou de Prefeito de uma metrópole ou até mesmo no comando de uma grande empresa. Eu tenho muito orgulho de ser Marista e ser fruto de uma promessa feita por Champagnat e que vai permanecer comigo para sempre. Na PJM eu aprendi a ser um bom líder, treinar a escuta ativa e fazer o bem. Acho que é um grande começo para transformar o mundo”.  

Nós todos aprendemos muito nessa jornada. As metas que estabelecemos são essenciais para saber quais caminhos devemos trilhar.

jun 15
Ecos da Jornada I – Ana Luiza Leite da Silva

Ecos da Jornada I – Ana Luiza Leite da Silva

Postado por PJM em Experiência Formativa, Marista sou, Partilha ,

Salve, salve galera!!

Recuperados da nossa SUPER JORNADA?!?!

Para nos abastecer a memória, porque é também de memórias que nós somos feitos, vamos trazer pra vocês alguns depoimentos dos jovens que participaram da jornada e que foram coletados pela nossa queridíssima Juliana Maria Fontoura, jornalista da Comunicação Institucional.

O depoimento de hoje é o da Ana Luiza Leite da Silva, aluna do Colégio Marista Pio XII, de Ponta Grossa/PR:

“Eu gostei muito da Jornada, pois pude encontrar jovens de outras unidades maristas e trocar experiências. Deu pra colocar em prática as coisas que aprendemos em outros eventos menores da PJM. Aqui nós entendemos o verdadeiro significado de ser fruto de uma promessa que Marcelino fez, mas que de certa forma, nós também fazemos todos os dias em nossa unidade. Na minha vida eu tento ser como Champagnat e seguir os seus passos”.

Durante essa semana ainda teremos mais dois depoimentos para ajudar a gente a matar um pouquinho da saudade que dá, porque a nossa jornada foi realmente MÁGICA!

 

Por Laura Ferraz