Que tal iniciarmos a semana partilhando um pouco? Tem coisa melhor?

 

Veja só, quem diria que já se passou uma semana da Missão Solidária Marista Ir. Miguel Ángel. O tempo voa!

Mas, para matar um pouco a saudade, quem vai partilhar um pouco conosco hoje é a Liliane Cecília Nadolny, sobre a sua primeira experiência de missão em Paiçandu/PR:

“Como partilhei, sempre que via a movimentação dos jovens em vários momentos da pastoral, sentia vontade de participar da MSM.

Me informei se poderia e me inscrevi.

Vim ansiosa e com muitas expectativas. A cada momento, desde a recepção, missa, acolhida pelas famílias, senti que já valia a pena.

E no decorrer das atividades, como visita comunitária, gesto concreto, oficina, apoio, conclui que é bom, maravilhoso se doar, e principalmente ver esta juventude atuante, conhecendo outras realidades, dando depoimentos marcantes e com muito conteúdo.

Sinto orgulho em ser Marista. Obrigada por proporcionarem mais este momento na minha vida”.

 

A Liliane, além de missionária, é colaboradora Marista no Colégio Santa Maria de Curitiba.

Certamente o sentimento dela é compartilhado por todos nós, que nos doamos, e que fomos maravilhosamente acolhidos pelas comunidades locais.

A saudade e as boas memórias ficam para nos lembrar que tudo valeu a pena.

Partilhemos! A partilha é uma forma de ceder nossos olhos para que o outro possa ver através deles.